De acordo com o Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea), mais da metade do rebanho, incluindo bovinos e bubalinos foi imunizado contra febre aftosa até a última sexta-feira (31), data de encerramento da primeira fase da campanha de vacinação.

Ainda segundo Indea, até o dia 29 de maio, 58,6 % dos pecuaristas fizeram a comunicação de vacinação do rebanho. Entretanto, eles têm até o dia 10 de junho para comunicar o órgão.

O produtor que atrasar a comunicação ou não informar o Indea quanto à vacinação, fica impossibilitado de emitir a Guia de Trânsito Animal (GTA), por um período mínimo de 30 dias.

--------------------
Você sabia que o Portal Weese também está no Instagram, no Facebook e no Twitter? Então não perca tempo e siga a gente por lá.