O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, ordenou hoje (8) a reabertura de parte da fronteira com a Colômbia. A medida envolve a passagem entre os dois países no estado de Táchira, no oeste da Venezuela, que estava fechada há quase quatro meses.

Em declaração publicada no Twitter, Maduro disse:

Em exercício pleno de nossa soberania, ordenei a abertura das passagens fronteiriças do estado de Táchira com a Colômbia a partir deste sábado. Somos um povo de paz que defende firmemente nossa independência e autodeterminação.

Nicolás Maduro: “Somos um povo de paz que defende firmemente nossa independência e autodeterminação” (foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Arquivo Agência Brasil)

O líder chavista ordenou o fechamento total das fronteiras terrestres com o Brasil e a Colômbia em 22 de fevereiro. A intenção foi frustrar uma tentativa de envio de ajuda humanitária à Venezuela por terra a partir dos dois países vizinhos, programada para o dia seguinte.

A operação – comandada pelo líder oposicionista Juan Guaidó, reconhecido como presidente interino da Venezuela por dezenas de países, inclusive o Brasil – encontrou forte resistência militar e acabou fracassando.

Maduro alegou que a entrada de ajuda era apenas uma desculpa da oposição, aliada a potências estrangeiras, para invadir o país militarmente.

Desde então, o governo restringiu o tráfego de pessoas em três das quatro pontes que ligam o país à Colômbia em Táchira – a não ser por razões médicas ou educacionais. A quarta ponte, a de Tienditas, nunca foi inaugurada para pedestres ou veículos.

--------------------
Você sabia que o Portal Weese também está no Instagram, no Facebook e no Twitter? Então não perca tempo e siga a gente por lá.