A modelo Najila Trindade, que aparece no vídeo “Fogo Cruzado”, do cantor de pagode Zula, publicado em 2017, é a mulher que acusa Neymar de estupro. O assunto fez com que o vídeo bombasse no YouTube. Confira:

Todos os comentários recentes no vídeo remetem ao caso de acusação de estupro envolvendo o jogador do PSG. Alguns fazem piada com as frases da conversa divulgadas por Neymar, como “oi, razão da minha libido” e “saudade do que a gente não viveu ainda”.

Apesar da gravidade do tema, a produção de Zula tem aproveitado para ganhar visibilidade e fazer a carreira do cantor bombar mais pelo Brasil. Um dos sócios do projeto musical, Diogo Zefhera, disse:

A gente está tentando aproveitar da melhor forma. Mas sem polemizar sobre o assunto e sem julgamentos. A gente não vai fugir da nossa ética apenas para aparecer.

--------------------
Você sabia que o Portal Weese também está no Instagram, no Facebook e no Twitter? Então não perca tempo e siga a gente por lá.