O ex-presidente Michel Temer (MDB) participou de uma sabatina no congresso nacional do MBL (Movimento Brasil Livre), em São Paulo, no último sábado (16). Na ocasião, o político afirmou que o governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL) está indo bem e também opinou sobre as atitudes do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Segundo Temer, Lula contribuiu com o clima de polarização no país com o discurso que fez ao sair da prisão:

Lula faria muito bem se, ao deixar a prisão, pedisse a unidade do país. Mas o que ele fez, lamentavelmente foi incentivar a radicalização.

Temer foi sabatinado pelos jornalistas Carlos Andreazza, editor-executivo do grupo Record, Fábio Zanini, repórter da Folha de São Paulo, e José Fucs e Vera Magalhães, ambos do jornal O Estado de São Paulo.

De acordo com Temer, Bolsonaro está dando sequência à sua gestão e é preciso “dar mais tempo” ao atual governo. O ex-presidente, que deixou o cargo no início de 2019, também sugeriu que o MBL liderasse um “movimento pela tranquilização do país”.

O ex-presidente Temer foi sabatinado no congresso nacional do MBL (foto: Reprodução/Twitter)

-----------------------------
Você sabia que o Portal Weese também está no Instagram, no Facebook e no Twitter? Então não perca tempo e siga a gente por lá.