O consórcio Aeroeste, responsável pela compra das concessões dos aeroportos de Sinop, Cuiabá/Várzea Grande, Rondonópolis e Alta Floresta, assinou na tarde da última quarta-feira (4), o contrato que oficialização a negociação. A partir de agora, a empresa tem 40 dias para apresentar os planos de gerência das unidades, bem como as ideias de exploração e expansão das estruturas.

Segundo a superintendente de Desenvolvimento de Modais, Maksaila Amaral Moura Campos:

O concessionário tem até 40 dias para fazer a entrega, mas como isso já vem ocorrendo, o trâmite pode ser concluído antes desse prazo. Todos esses planos, obrigatoriamente, serão avaliados e homologados pela Agência Nacional de Viação Civil (Anac), que é a agência reguladora do setor.

Depois da homologação, os terminais passam definitivamente para administração da concessionária, mas a operação aeroportuária continua sendo atribuição da Infraero, a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária.

Aeroporto Municipal Presidente João Figueiredo (foto: assessoria)

Além dos representantes da Aeroeste, o contrato também contou com a assinatura do presidente da Infraero, o tenente-brigadeiro do Ar, Hélio Paes de Barros Júnior.

Os primeiros investimentos, previstas para os primeiros 180 dias do contrato, devem se focar em áreas fundamentais para o bem-estar dos passageiros e para o bom funcionamento das unidades. São medidas como:

  • Adequação de banheiros e fraldários;
  • Revitalização e atualização das sinalizações de informação;
  • Disponibilização de internet wi-fi gratuita de alta velocidade;
  • Revisão de sistemas de climatização;
  • Escadas rolantes, esteiras rolantes, elevadores e esteiras para restituição de bagagens.

Juntos, os quatro aeroportos de Mato Grosso movimentam cerca de 3,2 milhões de passageiros por ano. O maior fluxo é do Marechal Rondon, em Várzea Grande, que encerrou 2018 com movimentação de 3 milhões de embarques e desembarques. O aeroporto de Sinop recebe 150 mil passageiros por ano, em média.

--------------------
Você sabia que o Portal Weese também está no Instagram, no Facebook e no Twitter? Então não perca tempo e siga a gente por lá.