Seis marcas de azeite de oliva foram proibidas de serem comercializadas em todo o país por fraude em suas composições. A decisão é uma determinação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Segundo o comunicado divulgado pela pasta, os rótulos Oliveiras do Conde, Quinta Lusitana, Quinta D’Oro, Évora, Costanera e Olivais do Porto são impróprios para o consumo e não podem ser vendidos.

--------------------
Você sabia que o Portal Weese também está no Instagram, no Facebook e no Twitter? Então não perca tempo e siga a gente por lá.