O sul-mato-grossense Luiz Fernando da Silva Borges de 18 anos foi um dos destaques na Intel International Science and Engineering Fair. O garoto participou pela terceira vez da feira, uma das mais respeitadas nas áreas de ciência e tecnologia, que destaca trabalhos desenvolvidos por jovens antes de ingressarem no ensino superior.

O seu projeto, chamado de Hermes Braindeck, foi criado para ajudar na comunicação de pacientes em coma ou estado vegetativo. Segundo Borges, algumas pessoas não são capazes de movimentar nem os olhos, mas estão conscientes. O programa de computador consegue guiar os pensamentos da pessoa para que sejam convertidos em palavras, sem o uso da visão.

Leia +  Vereador aponta irregularidades na escolha do local e na doação de área para Fórum

O equipamento cabem em uma maleta, e seus primeiros testes serão realizados na Santa Casa de Campo Grande, em Mato Grosso do Sul. As negociações também já começaram no renomado Hospital Albert Einstein, em São Paulo.

Confira o vídeo da explicação da funcionalidade do aparelho: 

Print Friendly, PDF & Email

DEIXE SEU COMENTÁRIO ----------------

comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here